ÍNDIA A mídia internacional acaba de noticiar que o ator mirim Azharuddin Mohammed Ismail, teve a sua casa destruída pelas autoridades de Mumbai, na Índia.

O menino que atuou no filme ”Quem quer ser um milionário?” e surpreendeu o mundo conquistando oito Oscars neste ano, revela agora para o mundo mais um lado da Índia, que infelizmente não é mostrado pela novela da Globo, que é exibida no horário nobre (Caminho das Índias), alcançando milhares de telespectadores em todo o Brasil e também no exterior, revelando aos brasileiros e aos povos de língua portuguesa apenas um lado rico, romântico e cinematográfico da Índia. Trata-se na verdade de um roteiro utópico que não mostra a verdadeira realidade daquele pais e daquele povo.

“A família vivia em um casebre feito de plástico e bambus em uma favela em Bandra East, em Mumbai. A mãe do menino, Shamim Ismail, disse não saber o que vai acontecer agora. “Nossa casa foi destruída pelas autoridades. Não recebemos nenhuma acomodação alternativa. Mais cedo, eles haviam dito que nos dariam uma casa. Mas eu não acredito que isso vai acontecer”, disse ela à BBC”

A novela também não revela a triste realidade espiritual e social daquele povo que, segundo os últimos dados, tem uma população de  1.186.185.625 habitantes. A Índia,  uma das civilizações mais antigas da terra é também o berço do hinduísmo e budismo , onde mais de 90% ainda não conhecem a Jesus Cristo.

Segundo pesquisas, a igreja cristã tem sido perseguida, inclusive marcada pelo derramamento de sangue, onde templos são destruídos, cristãos ameaçados, sequestrados, surrados e mortos, vivendo em regiões muitas vezes, sem energia elétrica, água encanada, hospital, médico e escola.

Os produtores do filme “Quem quer ser um milionário?”, faturaram cerca de 326 milhões de dólares, mas o ator principal está sem teto. Triste realidade!