Rio2016Imagem

A cidade do Rio de Janeiro – “a cidade maravilhosa” – foi recentemente escolhida para sediar os jogos olímpicos de 2016. Trata-se de uma grande oportunidade que se abre para o Brasil, não somente na área esportiva, mas com repercusões em todas as esferas da sociedade.(Veja o vídeo oficial ao lado).

 Com esta escolha, o Brasil entra definitivamente no cenário esportivo mundial, pois outros eventos estarão sendo realizados nos próximos anos: Em 2011, acontecem os jogos Militares Mundiais; depois será a vez da Copa das Confederações, em 2013; no ano de 2014, recebemos a Copa Mundial de Futebol e em 2016, os Jogos Olímpicos.

 É interessante como os eventos esportivos sempre envolveram os povos e as nações do mundo, merecendo destaques até mesmo nos relatos bíblicos. O apóstolo Paulo sabia da importância do esporte na vida das pessoas, de tal maneira que usou uma linguagem esportiva para ilustrar verdades espirituais, quando disse: “Vocês sabem que numa corrida, embora todos os corredores tomem parte, somente um ganha o prêmio. Portanto, corram de tal maneira que ganhem o prêmio. Todo atleta que está treinando agüenta exercícios duros porque quer receber uma coroa de folhas de louro, uma coroa que, aliás, não dura muito. Mas nós queremos receber uma coroa que dura para sempre. Por isso corro direto para a linha final. Também sou como um lutador de boxe que não perde nenhum golpe”(I Cor. 9:24-26).

 Olhando também para a esfera das oportunidades, constatamos que esses eventos esportivos tornam-se verdadeiras portas que se abrem para a Igreja de Cristo, na sua ação evangelizadora e missionária. São autênticos “campos brancos para a ceifa”, quando milhares de pessoas, das mais diferentes nações, culturas e etnias do mundo, poderão ser alcançadas com a verdadeira mensagem do Evangelho de Jesus Cristo. Portanto, “Corramos direto para a linha de chegada a fim de conseguirmos o prêmio da vitória. Esse prêmio é a nova vida para a qual Deus nos chamou por meio de Cristo Jesus.” (Filipenses 3:14). Amém.