“Ontem ? Isso faz tempo! Amanhã? Não nos cabe saber. Amanhã pode ser muito tarde para você dizer que ama, para você dizer que perdoa, para você dizer que desculpa. Amanhã pode ser muito tarde para você pedir perdão, para você dizer: Desculpe-me, o erro foi meu!

O seu amor, amanhã, pode já ser inútil; o seu perdão, amanhã, pode já não ser preciso; a sua carta, amanhã, pode já não ser lida; o seu abraço, amanhã, pode já não encontrar outros braços. Porque amanhã pode ser muito tarde! Lembre-se: Amanhã pode ser tarde…muito tarde!Procure. Vá atrás! Insista! Tente mais uma vez!
Só hoje é definitivo! Amanhã pode ser tarde.
A oportunidade é hoje, e não amanhã.”

Porque mil anos são aos teus olhos como o dia de ontem que passou, e como a vigília da noite. Faze com que saibamos como são poucos os dias da nossa vida para que tenhamos um coração sábio.” (Salmo 90:4,12).