ORAÇÕES SEM RESPOSTA

“Quando tudo o mais falhar, ore!”- este parece ser o lema de muita gente. Talvez você seja uma delas. Quando surgem momentos em que as circunstâncias ficam fora de controle recorrem à oração. Afinal que mal pode fazer, não é? Para outras, oração é essencial. Levam a sério o ensino da Bíblia, “Orai sem cessar” (I Tessalonicenses 5.17). Oram por suas necessidades pessoais, intercedem pelas de outros e louvam ao Deus que servem.

Há, porém, uma particularidade com a oração: não é como chegar a uma máquina automática, colocar dinheiro nela e receber o que se quer. Orações, às vezes, ficam sem resposta. O que acontece quando oramos e não recebemos a resposta que buscamos? Oramos e nada de resposta!

Ao longo de minha vida e de minha carreira vivi esta experiência em muitas ocasiões: ter que permanecer num trabalho que já não achava satisfatório, sem que surgissem novas opções; batalhar para encontrar a pessoa certa para preencher uma posição chave no quadro de pessoal; esperar pela venda da casa, enquanto pressões financeiras se acumulavam. Mas por meio dessas situações aprendi muito sobre oração e sobre Deus. Aprendi que Deus sempre responde as orações, mas o faz de uma destas quatro maneiras: sim; não; espere e diferente.

Quando Deus diz “sim”. Como um pai humano amoroso e compassivo, Deus tem prazer em receber os pedidos de Seus filhos e respondê-los. Mais do que isto, Suas respostas são melhores do que as de nossos pais imperfeitos. “Se vocês, apesar de serem maus, sabem dar boas coisas aos seus filhos, quanto mais o Pai que está nos céus dará o Espírito Santo a quem o pedir!” (Lucas 11.13).

Quando Deus diz “não”. Nossos pedidos algumas vezes são rejeitados porque nossa motivação é errada, fruto de desejos egoístas. Outras vezes, Deus sabe que o que verdadeiramente precisamos não é o que estamos pedindo. Então Ele diz “não”às nossas orações. “Quando pedem, não recebem, pois pedem por motivos errados” (Tiago 4.3).

Quando Deus diz “espere”. Há momentos em que Deus, por alguma razão, retém Suas respostas. Pode não ser o tempo certo; detalhes específicos podem estar incompletos; Ele pode estar nos ensinando a ser pacientes; ou simplesmente quer deixar claro que é Ele que está no controle e não nós. “Descanse no Senhor e aguarde por Ele com paciência; não se aborreça com o sucesso dos outros, nem com aqueles que maquinam o mal… Espere no Senhor e siga a Sua vontade. Ele o exaltará, dando-lhe a terra por herança” (Salmos 37.7,34).

Quando Deus diz “diferente”. Às vezes, quando oramos, estamos convictos do que necessitamos ou queremos. Deus em Sua sabedoria, porém, é onisciente e sabe quando uma resposta diferente é mais adequada – e melhor – do que a que estamos pedindo. “Àquele que é capaz de fazer infinitamente mais do que tudo o que pedimos ou pensamos” (Efésios 3.20).

Por Robert J. Tamasy

Anúncios

Sobre Vitor Hugo Mendes de Sá

Vitor Hugo Mendes de Sá é casado com Linéa Dias Mendes de Sá e tem duas filhas: Juliana e Mariana. É pastor por mais de 33 anos, evangelista, formado em teologia pelo Seminário Teológico Batista do Sul do Brasil. Tem cursos em clínica pastoral, capelania hospitalar, pós-graduação Latu Sensu em ciências políticas e educação(UNB), Liderança avançada pelo Instituto Haggai. É também, Bacharel em Direito(FDCI). Tem sido orador de conferências no Brasil e no exterior. Pastor da Primeira Igreja Batista na Penha-RIO. Autor dos livros: Orando com Propósito e Rompendo as Muralhas na Família, ambos publicados pela MK editora.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s