A comunicação verbal tem sido a responsável pelo sucesso ou fracasso de milhares de pessoas em todas as áreas de atuação. Há vários livros e artigos escritos sobre este importante tema. Lembro-me de alguns que tive o privilégio de ler, como: “Há poder em suas palavras” e “Palavra viva, palavra morta”.

Este assunto é tão relevante que a Bíblia nos orienta sobre ele declarando: “Sejam prontos para ouvir, tardios para falar” (Tiago 1.19). Aqui está um conselho que, quando conseguimos colocar em prática, superamos muitas dificuldades.

Somos desafiados a evitar comentários imprudentes, impróprios e prejudiciais, que sempre causam confusões nos relacionamentos inter-pessoais. A Bíblia nos ensina que “Quando são muitas as palavras, o pecado está presente, mas quem controla a língua é sensato” (Provérbios 10.19).

Tenho encontrado pessoas que fazem questão de falar e fazer comentários de forma imprudente sobre todos os assuntos, esquecendo-se que “Quem tem conhecimento é comedido no falar e quem tem entendimento é de espírito sereno” (Provérbios 17.27).

Que Deus nos conceda sabedoria no falar, para que o nome de Jesus Cristo possa ser glorificado em nosso viver. Amém.